Como adaptar um gato recém adotado com o gato residente?

Lembre-se que os gatinhos são muito sensíveis e um novo amiguinho é uma mudança radical. Sabemos que futuramente será maravilhoso para ambos, mas no início é muito estressante, tanto para pets quanto para humanos. Por isso, uma boa adaptação vai ajudar a diminuir o estresse e a relação dos bichanos terá uma chance muito maior de ser mais prazerosa.


Confira os cinco passos principais para acostumar o novo gatinho com o gato residente:


1º) Preparação do novo lar

O seu novo gatinho precisa de um espaço apenas para ele nos primeiros dias. Prepare um espaço com água, ração, banheiro (caixa com granulado higiênico) e alguns brinquedos para que ele se acostume ao novo lar. Após toda a preparação é a hora da sua chegada, leve-o imediatamente para o espaço provisório.


2º) Cheiro

Durante os primeiros dias, dê bastante carinho para o novo gatinho e logo em seguida saia do cômodo separado e deixe o gato residente te cheirar para começar a reconhecer o novo amigo. Assim como os cães, os gatos possuem um olfato muito apurado. Somente através do cheiro um gato consegue identificar se outro animal é da sua espécie e até o sexo de outro gato.


3º) Contato visual

Após alguns dias de adaptação, chegou a hora de avançar um passo e, aos poucos, deixe a porta do cômodo do novo gatinho entreaberta para que eles comecem a ter um contato visual. Mas lembre-se, não é o momento para deixá-los se aproximarem. Os pets podem ficar agressivos, então abra a porta apenas para o contato visual, gatos são extremamente ágeis e o espaço para uma pata já é suficiente para que ocorram acidentes.


4º) Contato físico

Após você perceber que os gatinhos não estão se estranhando muito, é chegada a hora de, aos poucos, deixar o novo gatinho sair e descobrir outros cômodos da casa. Mas sempre monitore todos esses momentos.


5º) Adaptação da caixinha de areia

Na maioria das vezes, a relação com a caixa de areia é instintiva, mas pode ocorrer de não acontecer algumas vezes e por isso a adaptação é de extrema importância para o novo gatinho. Não espere que o novo animal se adapte rapidamente à caixa ou ao granulado utilizado pelo residente da caixa.

Escolha uma caixa do tamanho que o seu gatinho consiga se movimentar dentro dela sem dificuldades, e, depois disto, teste diferentes granulados, como a opção mineral (aglomerante) e o granulado de madeira não aglomerante.

Lembre-se sempre de ter uma caixinha para cada gato.

Após todos esses passos, o principal é ter muito cuidado e paciência, esse processo pode demorar até 90 dias.

Tenha respeito pela personalidade de cada gato e não force os seus gatinhos a criarem um laço afetivo.

7 visualizações0 comentário